Como cuidar de um coelho!

coelho branco e castanho dentro de um buraco de tronco de arvore
25 Junho 2020 Pets4Company

Extremamente fofos e com personalidades únicas, confira tudo o que o seu coelho necessita com a nossa checklist!

Os coelhos conseguem ser excelentes pets: são bastante ativos, brincalhões e extremamente sociais, capazes de criar laços com outros coelhos e pessoas. O dono ideal para um coelho será um individuo ou família que possa dedicar tempo e espaço, momentos de brincadeira, mas também de carinho e que tenha noção de que estes amiguinhos necessitam de alguma manutenção específica.

Coelhos de diferentes espécies tem também necessidades diferentes: antes de adquirir uma espécie de coelho de pelo longo certifique-se que tem aquilo que é preciso para cuidar da sua pelagem diariamente!

São animais super inteligentes e podem ser ensinados a usar uma caixinha para fazer as suas necessidades tal como os gatos! Aprendem também todo o ritmo e horários da sua família.

Crianças pequenas não devem ser deixadas sozinhas com coelhos pois podem segura-los de forma errada causando situações de stress para o coelho e mesmo lesões. Também não é aconselhável deixar o seu coelho sozinho num espaço exterior ou jardim.

Coelho castanho de orelhas compridas sentado na relva

Como preparar a casa para receber o seu coelho: conselhos e itens essenciais

1. Preparar um espaço interior seguro:

Os coelhos podem viver livremente num quarto “à prova de coelho”, num espaço delimitado por uma cerca ou numa gaiola apropriada. Quando mantidos num espaço delimitado este deve ter espaço suficiente para que se possam mover e saltar sem problema e devemos deixa-los sair por algumas horas para que se possam exercitar.

2. Transforme a sua casa num espaço “à prova de coelho”: 

Os coelhos precisam de um espaço onde possam correr e explorar. Para que o possam fazer se forma segura e sem causar estragos será necessário retirar do seu alcance fios elétricos, escondendo-os com proteções plásticas ou a uma altura que o coelho não consiga alcançar. As proteções poderão também ser usadas para cobrir caixilhos de madeira e pernas dos móveis para que não sejam roídos.

Coelho de pelo comprido com trela

3. Proporcionar uma boa ração e feno:

Os coelhos são animais herbívoros. Devem ter sempre feno à disposição e a ração deve ser rica em fibra, apropriada às necessidades da espécie. As crias devem ter acesso a uma porção diária de alfafa sendo que, para os coelhos adultos, o mais indicado é o feno de timóteo ou de aveia. Para evitar que o feno humedeça podemos optar por uma grelha/porta-feno que ajuda a manter os alimentos afastados do chão da gaiola. A taça da ração deve ser de um material resistente para que não seja roída e ingerida.

4 Complementar a alimentação com verduras frescas e água:

Alface, rama de cenoura, hortelã…a lista de alimentos frescos que o seu coelho pode consumir é vasta e ele agradece! Um bebedouro ou taça com água deve estar sempre presente e ser mudada diariamente.

coelho preto e branco ao lado de um vaso comendo as folhas

5. Preparar uma caixinha/WC:

Os coelhos têm tendência para fazer as suas necessidades sempre no mesmo local. Podemos tirar proveito deste facto proporcionando uma caixinha/wc com material absorvente em papel ou madeira prensada apropriado para coelhos e livre de poeiras. Se conseguir que o seu coelho aprenda a usar a caixinha será muito mais comodo e simples de limpar.

6. Proporcionar brinquedos para roer: 

Caixas de papelão são ótimas para estimular o seu coelho. Não só podem criar novas portas e janelas mas também usar como esconderijo caso se sintam ameaçados. Os brinquedos devem ser em madeira sem químicos ou tintas. Proporcionam um saudável desgaste dos dentes que, nos coelhos, crescem de forma continua ao longo de toda a sua vida!

coelho branco e castanho sentado junto a um carrinho de supermercado em miniatura cheio de verduras

7. Cuide do pelo e unhas do seu coelho:

Os coelhos são animais naturalmente limpos passando uma boa parte do seu dia tomando banho. Duas vezes ao ano os coelhos passam por um processo de muda de pelo. É importante retirar o excesso de pelo solto com um pente ou escova para que não cause desconforto e para que não o ingiram, o que pode provocar problemas gástricos severos. As unhas devem também ser cortadas: unhas longas podem ficar presas em diversas superfícies ou curvar na direção da patinha causando danos.

8 Levar o seu coelho ao veterinário para um checkup:

Os coelhos são animais de predação e, por isso, escondem muito bem qualquer sintoma de doença. Observe o seu coelho de perto e veja se este come e bebe e se as fezes têm uma aparência normal. O veterinário poderá também analisar os olhos, orelhas e dentes para se certificar que o coelho se encontra saudável. Coelhos de orelhas longas podem ter mais propensão para otites. Já os dentes dos coelhos não param de crescer e qualquer crescimento anormal ou mau desgaste pode causar problemas sérios e levar mesmo á morte.

Coelho branco e castanho de orelhas compridas junto a uma cenoura

Agora que já tem tudo o que é preciso está na hora de ir buscar o seu novo amigo. Temos a certeza que vão criar muitas memórias juntos!